Smart Hydro Power: a turbina elétrica das marés capaz de alimentar pequenas comunidades


Visualizações 10

Esta turbina hidráulica funciona como uma turbina eólica, mas em vez de aproveitar a força do vento, utiliza o movimento da água. O que o torna especial é a facilidade de instalação.

A energia hidrelétrica tem emissões mínimas de CO 2 . Pode garantir uma produção constante de eletricidade 24×7 (24 horas por dia, 7 dias por semana), ao contrário de fontes intermitentes como a eólica ou solar.

As turbinas de maré Smart Hydro Power podem contribuir para o desenvolvimento da energia hidrelétrica. O dispositivo pode funcionar mesmo em um canal de 2 m de largura e não representa nenhum perigo para a fauna aquática.

Como funciona o Smart Hydro Power?

Esta turbina é projetada para rios ou canais, com profundidade e largura mínima de 2 m cada.

Possui três lâminas de um metro de diâmetro cada. Acoplada a um gerador elétrico, a turbina é acionada pelos movimentos da água. O sistema é projetado para que a velocidade da água aumente à medida que ela passa pelo dispositivo. Isso otimiza a produção, uma tecnologia aprimorada ainda mais pelo formato curvo das lâminas. Segundo o fabricante, a turbina é baseada no princípio de uma turbina eólica, exceto que tudo acontece debaixo d’água.

O dispositivo não requer a instalação de grandes infraestruturas, como uma barragem. Só precisa de ser ancorado ao fundo da água ou a um bloco de amarração na costa. O sistema de ancoragem dependerá de várias condições. O mais importante é determinar a natureza do leito do rio (rochas, areia, etc.). Você também deve levar em consideração o possível tráfego no rio ou canal. Além de ser fácil de instalar, o sistema oferece proteção eficaz contra possíveis detritos flutuantes que podem entupir o dispositivo.

Em média, uma única turbina geraria cerca de 8.500 kWh por ano. Isso cobriria as necessidades de energia primária de 30 residências. No entanto, a produção varia em função da profundidade do rio e da velocidade do fluxo de água. Quanto maior a velocidade do fluxo de água, mais energia é fornecida. Vale ressaltar que a instalação hidráulica pode ser ampliada simplesmente adicionando mais turbinas para aumentar a produção.

Vídeo do youtube

Como funciona uma turbina elétrica de maré

Uma turbina elétrica de maré é um dispositivo que converte a energia cinética da água em energia elétrica. Funciona de forma semelhante a uma turbina hidrelétrica, utilizando a energia da água em movimento para gerar eletricidade.

Existem vários projetos de turbinas de maré, mas em geral elas funcionam por meio de um rotor com pás que é acionado pelo movimento do movimento da água, ondas ou marés. O rotor é conectado a um gerador elétrico, que converte energia mecânica em energia elétrica. A energia elétrica é armazenada em baterias ou enviada diretamente para a rede elétrica local.

Uma das vantagens das turbinas de maré é que são uma forma de energia renovável e sustentável, já que não emitem dióxido de carbono nem poluem o ar. No entanto, também existem desvantagens, como a possibilidade de prejudicar a vida marinha ou a dificuldade de manutenção em ambientes marinhos agressivos.

Mais informações: www.smart-hydro.de



Acesse o link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade